Video viral de Donald Trump gladiador - Cientistas prevêm quando será próxima explosão solar que pode atingir a Terra - Taxas Altas de Comercio Internacional Afastam Amazon e Nintendo do Brasil


Tadeu Lencaster

Especialistas Revelam Como Será a Vida Digital Em 2025

Por Tadeu Lencaster 2014-05-22 Internet Comentários

As opiniões surpreendentes dos especialistas sobre o como será o futuro no digital.

Imagem da publicação do estudo do Pew Research Center.

Especialistas explicam como será a vida digital em 2025 – Artigo no site da Pew Research em 22/05/2014.

Um relatório de Janna Anderson para o “Pew Research Center”, revela a opinião de vários especialistas do paradigma digital e tecnológico sobre como vai ser a vida humana no digital em 2025.

Este relatório surge para marcar o 25º aniversário da criação da World Wide Web pelo Sir Tim Berners-Lee que liberou de graça e para todo o mundo, no dia de Natal em 1990, o sistema que é hoje a “world wide web” (www). Desde ai que a web se tornou num sistema privilegiado para que todo o mundo e pessoas acessem documentos, comuniquem e interajam desde o enorme sistema que liga todos os computadores do mundo chamado Internet.

Os especialistas preveem que por volta de 2025, a Internet vai se tornar “como eletricidade”, ou seja, menos visível e ainda mais profundamente enraizada na vida das pessoas para o bem e mal.

De um modo geral, os especialistas têm visões muito particulares, mas a maioria acredita que haverá:

  • Um ambiente global e invisível de computação em rede construída através da proliferação contínua de sensores inteligentes, câmeras, software, bases de dados e centros de dados massivos em um tecido de informação de abrangência mundial.
  • Grande aumento na utilização da “Realidade aumentada” com grandes melhorias na apresentação de informação digital no mundo real que as pessoas percebem, através da utilização de tecnologias portáteis, dispositivos implantados e até tecnologia que pode ser “vestida” pois estará nas nossas roupas​​.
  • Rompimento de modelos de negócios estabelecidos no século 20 (principalmente impactante na finança, entretenimento ou educação).
  • Marcação, mapeamento e análise inteligente de dados do mundo físico e social.

Os especialistas esperam que as tendências positivas e negativas da vida digital continuem se expandindo na próxima década, revolucionando a interação humana e podendo afetar principalmente a saúde, educação, trabalho, política, economia e entretenimento. A maioria diz que acredita que os resultados da conectividade será essencialmente positiva. No entanto, referem que irá haver uma crescente preocupação com a ética interpessoal, vigilância, terror e crime, podendo levar as sociedades a questionar a melhor forma de estabelecer a segurança e confiança e ao mesmo tempo manter as liberdades civis.

Relatos dos Especialistas

David Clark

Cientista de pesquisa sênior da Ciência da Computação do MIT e Laboratório de Inteligência Artificial.

“Dispositivos terão cada vez mais os seus próprios padrões de comunicação, suas próprias redes sociais que usam para compartilhar e agregar informações e realizar controle automáticos e ativações. Cada vez mais os seres humanos estarão em um mundo no qual as decisões são tomadas por um conjunto ativo de dispositivos cooperantes. A Internet (e comunicação mediada por computador em geral) vai se tornar mais difundida, mas menos explícita e visível. Ela vai, de certa forma, se misturar no fundo de tudo o que fazemos.”

Joe Touch

Diretor da Universidade do Instituto de Ciências da Informação do sul da Califórnia.

“Não vamos pensar em “ir on-line” ou “procurar na Internet por algo”. Vamos simplesmente estar on-line e olhar.”

Paul Jones

Professor na Universidade da Carolina do Norte e fundador da ibiblio.org.

“A televisão nos deixa ver a aldeia global, mas a Internet deixa que sejamos os moradores reais.”

Patrick Tucker

Autor de “The Naked Future: O que acontece em um mundo que antecipa todos os seus movimentos”.

“Quando o custo de coleta de informações sobre praticamente todas as interações cai para zero, os conhecimentos que obtemos da nossa atividade, no contexto da atividade dos outros, vai mudar fundamentalmente a maneira como nos relacionamos uns com os outros, para as instituições, e com o próprio futuro. Nós nos tornaremos muito mais bem informados sobre as consequências das nossas ações e vamos ‘editar’ o nosso comportamento de forma mais rápida e inteligente.”

Daren C. Brabham

Professor da Escola Annenberg de Comunicação e Jornalismo da Universidade do Sul da Califórnia.

“Vamos crescer acostumados a ver o mundo através de múltiplas camadas de dados. Isso vai mudar um monte de práticas sociais, como o namoro, entrevistas de trabalho, relações profissionais e jogos, bem como policiamento e espionagem.”

David Hughes

Pioneiro da Internet. A partir de 1972 trabalhou telecomunicações digitais de/para indivíduo.

“Todos os mais de 7 biliões de seres humanos neste planeta, mais cedo ou mais tarde, vão estar ‘ligados’ entre si e entre destinos fixos, via Uber (não Inter) net. Isso pode levar à diminuição do poder sobre a vida das pessoas dentro de Estados-nação. Quando cada pessoa no planeta pode chegar e se comunicar de duas vias, com todas as outras pessoas no planeta, o poder dos Estados-nação para controlar todos os seres humanos dentro de suas fronteiras geográficas pode começar a diminuir.”

Ian Peter

Pioneiro ativista da Internet e defensor dos direitos de Internet

“A Internet irá se fragmentar. A conectividade global continuará a existir, mas através de uma série de canais distintos controlados por uma série de protocolos distintos. O nosso uso de canais separados para aplicações distintas será necessária em virtude de problemas de segurança, a política cibernética das nações e corporações, e nossas tentativas continuaram a encontrar maneiras melhores de fazer as coisas. “

Hal Varian

Economista-chefe do Google.

“O maior impacto no mundo será o acesso universal a todo o conhecimento humano. A pessoa mais inteligente do mundo atualmente poderia muito bem estar atrás de um arado na Índia ou na China. Habilitando essa pessoa, e os milhões de pessoas como ele ou ela, terá um impacto profundo no desenvolvimento da raça humana. Dispositivos móveis baratos estarão disponíveis em todo o mundo, e as ferramentas educacionais, como a Academia Khan estará disponível para todos. Isso terá um enorme impacto sobre literacia e numeracia e levará a um mundo com população mais informada e educada.”

Paul Babbitt

Professor adjunto na Universidade de Arkansas Sul.

“Os governos se tornará muito mais eficaz na utilização da Internet como um instrumento de controle político e social. Ou seja, os filtros serão cada vez mais valioso e importantes, e eficazes, e filtros úteis serão capazes de cobrar por seus serviços. As pessoas estarão mais do que felizes em trocar o aspecto de apresentação livre comum a muitos sites da Internet por ambientes mais estruturados e regulamentados.”

Randy Kluver

Professor associado de comunicação na Texas A & M University.

“O aspecto mais negligenciado do impacto é na geopolítica da Internet. Há muito poucos especialistas focados nisso, e ainda o surgimento de mídia digital promete perturbação significativa para as relações entre os estados. Algumas das dimensões realmente importantes incluem o desenvolvimento de atores políticos / movimentos transnacionais, o aumento do estado virtual, o impacto dos esforços de diplomacia digitais, o papel da informação em minar privilégio estado (acho que Wikileaks), e … o desenvolvimento de cyber-conflito (em ambas as formas simétricas e assimétricas).”

Nishant Shah

Professor visitante do Centro de Culturas Digitais na Universidade Leuphana, Alemanha.

“Ela vai mudar sistemicamente nossa compreensão de ser humano, ser social e ser político. Não é meramente uma ferramenta de execução de sistemas existentes; é uma mudança estrutural nos sistemas que estamos acostumados. E isto significa que estamos realmente passando por uma mudança de paradigma – que é de comemorar o que ela traz, mas também produz grande precariedade, pois as estruturas existentes perdem significado e valência e, portanto, uma nova ordem mundial precisa ser produzida, a fim de acomodar para estes novos modos de ser e operação. O maior impacto da Internet é o que já estamos presenciando, mas vai acelerar.”

John Markoff

Escritor sênior para a seção de ciência do New York Times.

“O que acontece na primeira vez que atender o telefone e ouvir de sua mãe ou um amigo próximo, mas na verdade não é, e em vez disso, é um pedaço de malware que é projetado para “social engineer” você. Que tipo de mundo nós teremos atravessou para? Eu, basicamente comecei como uma utopia de Internet (acho que John Perry Barlow), mas eu tenho me apercebido que as forças técnicas e sociais que foram desencadeadas pelo microprocessador suportam o potencial de um mundo muito distópico que também é profundamente desigual. Muitas vezes eu me pego pensando: Quem disse que iria ficar melhor?”

Mike Liebhold

Pesquisador sênior e distinto membro do Instituto para o Futuro

“A internet está se transformando a partir da biblioteca global para o supercomputador global. Em 2025, quase todos os aplicativos ou serviços que podemos imaginar será reforçada pela aplicação de enorme computação permitindo aplicações generalizadas de capacidades como a mineração, a inferência, o reconhecimento, a tomada de sentido, tornando a modelagem, bem como a computação contextual proativa “.



Comentar com
2 comentários:
imagem de usuario

tramadol hcl 50 mg - 21/03/2019 às 22:23

01b tramadol for dogs https://rxcoupons.top/tramadol-coupons.html secgte tramadol 50mg https://rxcoupons.top/tramadol-coupons.html - tramadol hcl k6b
imagem de usuario

tramadol for dogs - 19/03/2019 às 19:05

2v4 tramadol https://rxcoupons.top/tramadol-coupons.html lmfm9w tramadol 50 mg for dogs https://rxcoupons.top/tramadol-coupons.html - tramadol 50mg 9i1


internet

online


Últimas

Lookers Mais Lidos

Comentários